Páginas

domingo, 28 de abril de 2013

20 ANOS DO CARTOON NETWORK


Durante todo o mês de abril o Cartoon Network anunciou seus 20 anos de criação. Na verdade, o aniversario foi comemorado em outubro de 2012, mas o canal escolheu este mês no Brasil para se comemorar a data que, originalmente, deveria ser em julho. Conhecido como o primeiro canal de televisão no Brasil a transmitir desenhos animados 24 horas por dia, 365 dias no ano, o Cartoon já passou por uma fase de ouro que agora esta restrita nas memorias dos fãs.

A gênese do Cartoon surgiu logo após a compra que a Turner, parte do conglomerado da Warner Bros, fez do catalogo de desenhos dos estúdios Hanna-Barbera que, aquela época  não produzia tantas series para TV como antigamente. Com aproximadamente 8.500 horas de desenhos animados, os executivos pensaram: "o que fazer com tantos desenhos?". Com a TV a cabo explodindo nos EUA no inicio dos anos 1990, fazendo surgir o mais variado estilo de canais, a solução foi criar uma casa onde todo o extenso catalogo de animações da Turner/Warner fosse exibido. Então, o Cartoon Network estreou exibindo clássicos como Pernalonga, Tom e Jerry, Os Flinstones e Scooby-Doo que agora pertenciam ao mesmo dono. Não demorou muito para o canal produzir suas próprias animações e logo o primeiro deu o tom aos demais que se seguiam. Em Space Ghost de Costa a Costa, num tom de deboche e irreverencia, o grande herói dos anos 1960 Space Ghost comanda um talk show onde recebe os mais variados convidados, muito semelhante ao que a MTV faz com o programa Infortúnio com a Funérea hoje.

Mas Space Ghost de Costa a Costa era misto de live action com animação, as series próprias animadas do Cartoon surgiram pouco tempo depois com O Laboratório de Dexter, onde um garoto gênio faz de tudo para manter os pais e principalmente sua irmã Dee Dee longe de seu laboratório.  Logo em seguida, estreia outros clássicos instantâneos A Vaca e o Frango, Johnny Bravo e As Meninas Super Poderosas. Outras series vieram na sequencia, mas elas não eram tao imaginativas quanto as primeiras. Mas teve uma que surpreendeu a audiência do canal pelo seu conteúdo um pouco mais maduro. Samurai Jack foi um sopro de criatividade que provou que as crianças também podem gostar de um desenho mais serio (coisa que os japoneses provaram faz anos). O Cartoon foi incrementando a sua programação com tantas produções originais ao ponto de não haver mais espaço no canal para as produções clássicas da Warner, Hanna-Barbera e MGM. Assim surgiu o Boomerang, que também não exibe mais desenhos e então o grupo criou o Tooncast. Que nada mais é que o Cartoon Network no inicio, por isso acaba sendo mais legal que seus "irmãos".

Os desenhos mais conhecidos e adorados do canal.

Com o passar dos anos o Cartoon Network se transformou numa marca conhecida até por quem não tinha TV por assinatura e durante muito anos foi o canal pago mais assistido. Uma das fases mais importantes foi quando foi criado o bloco Toonami que exibiu grandes sucessos japoneses como Os Cavaleiros do Zodíaco, Dragon Ball Z, Sailor Moon e Yu Yu Hakusho. Nesta época o canal também se tornou um campeão de licenciamentos com sua marca estampada em roupas, revistas, alimentos, material escolar e muitos outros produtos.  Mas o reinado do canal é sempre ameaçado com seus concorrentes. Os canais Nickelodeon, Discovery Kids e Disney estão sempre na esteira fugindo do esquema de exibir apenas desenhos animados e apostando em sitcons.

Mesmo vivendo um período onde a principal estrala da casa é Ben 10 e alguns outros desenhos surreais que tentam resgatar o período onde a criatividade do canal era melhor, o Cartoon Network segue como um nome conhecido e valorizado que nos proporcionou momentos de pura de diversão e ação (Liga da Justiça continua sendo um dos melhores desenhos exibidos no canal) e por isso merece essa simples homenagem.


Nenhum comentário: