Páginas

domingo, 10 de agosto de 2014

A SEGUNDA TEMPORADA DE MASTERS OF SEX

SÉRIE JÁ TEM UM MÊS NO AR COM NOVOS CAPÍTULOS, MAS PERDE UM POUCO DO CHARME QUE A CARACTERIZOU.

 

ALERTA DE SPOILERS!

Uma das sensações do ano passado, a série Masters Of Sex já estreou novos capítulos correspondentes a segunda temporada. No Brasil, a HBO vai exibir os novos episódios e não tem previsão de estreia na TV aberta. Se você não conhece, o seriado é baseado na vida real do médico Willian Masters um profissional que se dedicou ao estudo do comportamento sexual humano nos anos 1960. Ele assistia casais copulando e media pulsações, ritmos cardíacos, e fazia diversas anotações que hoje fazem parte dos livros de medicina. Mas sua pesquisa só pôde ser mais complexa graças a ajuda de Virginia uma garota aberta para novas sensações.

Willian é interpretado pelo ator britânico Michael Sheen cuja semelhança física com o verdadeiro Masters não é muita, mas encara com louvores um homem reprimido que dificilmente revela seus sentimentos. Sua parceira de pesquisas Virginia é feita pela atriz Lizzy Caplan (de Meninas Malvadas) uma bela e competente profissional. A medida que a primeira temporada avança a serie revelou outros atributos alem dos conflitos de Masters com Viriginia, sua esposa Libby (Caitlin Fitzgerald) decidida em engravidar acaba obcecada com o assunto.


Na segunda temporada, que se iniciou logo após a ultima cena do primeiro ano onde Masters declara a Virginia que não pode viver sem ela e os dois começam um caso com a desculpa de estar complementando o estudo do sexo.  Mas, infelizmente, a série está indo para um caminho perigoso do caso da semana onde os personagem se envolvem com o drama do convidado do episodio igual na TV aberta americana. Quem conhece as series de TV paga sabem que elas se libertam das amarras narrativas dos seriados populares ao explorarem mais seus personagens e tramas. Isso está prejudicando no desenvolvimento de Masters of Sex pois, ao menos nos episódios 2 e 3 parece que estamos vendo um Grey's Anatomy da vida.  O grande destaque do primeiro ano, entretanto, acabou ficando em segundo plano. A historia envolvendo o reitor Scully (Beau Bridges) que é casado com Margareth (Allison Janney)  mas é homossexual lutando contra seus desejos foi abafada. Logo no primeiro episodio, Scully quase se suicida e os roteiristas decidem manda-lo junto com a esposa para uma viagem.

Nisso, a trama está tipo em banha maria esperando um grande acontecimento. Masters of Sex acaba se sustentando no seu elenco muito talentoso encabeçado por Sheen, Lizzy e Caitlin, com destaque para a ultima encenando uma dona de casa sofrendo com a ausência do marido.  Mas uma coisa tenho que admitir, mesmo não estando em sua melhor forma, o seriado pega fogo nas cenas de sexo entre Masters e Virginia. Ainda da tempo da série voltar a nos surpreender.




2 comentários:

sofia martínez disse...

A primeira temporada foi muito bom. Elegante, sutil, inteligente, emocional, engraçado são alguns dos adjetivos que vêm à mente quando penso desta série. Masters of sex 2 espero voltar com mais intensidade.

Khaoe Pacheco disse...

Olá Sofia.
Com certeza não é a mesma série que conhecemos, a esperança é que, a partir do episodio 4, as coisas mudem. Mas ainda não desisti!
Obrigado por seu comentário.